Bahia recebe mais de 600 mil doses de vacina até esta quarta-feira

Calendário foi divulgado pelo secretário de saúde da Bahia, Fábio Vilas Boas Foto: Divulgação/AstraZeneca Por: Gabriel Amorim  A Bahia receberá, até a próxima quarta-feira (28) mais de 600 mil doses de imunizantes contra Covid-19. O calendário inclui o recebimento de doses de Coronavac, Pfizer e Oxford/AstraZeneca e foi divulgado através das redes sociais pelo secretário de saúde … Leia Mais


Apoiadores de Bolsonaro intensificam ‘batalha’ do outdoor no interior da Bahia

Peças fazem menção a bandeiras do presidente, dentre as quais a defesa do voto impresso Foto: Reproduçaão/Redes Sociais Por: Metro1 Apoiadores de Jair Bolsonaro (sem partido) têm intensificado a instalação de outdoors com mensagens de apoio ao atual governo em diversas cidades do interior da Bahia. Vitória da Conquista (a 518 km de Salvador), por exemplo, está entre … Leia Mais



Bolsonaro elege remédio chinês como sua ‘nova cloroquina’ contra a pandemia


O remédio se chama proxalutamida e é fabricado na China. Não há comprovação científica sobre sua eficácia contra a Covid-19

Bolsonaro elege remédio chinês como sua 'nova cloroquina' contra a pandemia

Foto: Imagem: iStock

Por: André Uzêda

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) passou a defender um novo medicamento para o enfrentamento da Covid-19. O remédio se chama proxalutamida e é fabricado na China para tratamento de cânceres, como mama e próstata. A exemplo dos outros remédios que já defendeu publicamente, como a cloroquina, hidroxicloroquina e ivermectina, a proxalutamida também não tem comprovação científica.

“A gente vê o mundo aí, alguns países investindo em remédios para curar a Covid, e aqui se você fala em cura de Covid passa a ser criminoso. Passa a ser criminoso. Você não pode falar em cloroquina, ivermectina”, disse o ocupante do Palácio do Planalto.

A proxalutamida está sendo estudada, mas ainda não há nenhuma publicação em revista especializada que garanta sua efiácia contra a Covid-19. O único país que tem feito uso da droga contra o coronavírus é o Paraguai.

“Vamos ver se a gente faz um estudo sobre isso aí [a proxalutamida] pra gente apresentar uma possível alternativa”, disse Bolsonaro.

 

Metro1


Suspeita de propinas de até R$ 296 mil mensais na Saúde vira novo foco de CPI


Entre os beneficiados estaria o deputado federal Ricardo Barros (PP-PR), ex-ministro e atual líder do governo na Câmara; ele nega as acusações

Suspeita de propinas de até R$ 296 mil mensais na Saúde vira novo foco de CPI

Foto: Michel Jesus/Câmara dos Deputados

Por: Metro1

A CPI da Covid focará em uma nova linha de investigação a denúncia de pagamentos irregulares mensais de até R$ 296 mil a políticos e servidores ligados ao Ministério da Saúde.

Segundo o portal UOL, o suposto esquema de propina, que teria começado em 2018 com previsão de durar cinco anos e que foi denunciado por uma ex-servidora da pasta, foi discutido em uma reunião de senadores independentes e da oposição feita em 6 de julho, um terça-feira, na casa de Omar Aziz (PSD-AM), presidente da comissão.

Entre os beneficiados estaria o deputado federal Ricardo Barros (PP-PR), ex-ministro e atual líder do governo na Câmara. Ele nega as acusações.

De acordo com a denúncia, o suposto esquema de repasses de valores começou em 2018, durante a gestão de Barros no Ministério da Saúde, informaram ao UOL senadores da comissão.

Até aquele ano, a distribuição de vacinas e de outros insumos pelo governo federal era feita pelo próprio Ministério da Saúde por meio da Cenadi (Central Nacional de Armazenamento e Distribuição de Imunobiológicos), órgão que existiu por cerca de 20 anos.

Durante a gestão de Barros, porém, a Cenadi foi extinta e, em seu lugar, entrou a empresa VTC Operadora Logística Ltda, conhecida como VTCLog.

Além de negar o recebimento da propina, Ricardo Barros disse, por meio de sua assessoria de imprensa, que não possui “nenhuma ligação” com a VTCLog. O deputado e ex-ministro acrescentou que, em sua gestão, tentou contratar os Correios por meio de dispensa de licitação, mas que foi impedido pelo TCU (Tribunal de Contas da União), que exigiu o procedimento licitatório.


Enem 2021: Prazo para pagar taxa de inscrição se encerra nesta segunda


Sem o pagamento, não é possível fazer a prova; veja como

Enem 2021: Prazo para pagar taxa de inscrição se encerra nesta segunda

Foto: Divulgação

Por: Augusto Romeo

O prazo de pagamento da taxa de inscrição para realizar o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) termina nesta segunda-feira (19). Sem o pagamento da tarifa no valor de R$85, a inscrição não é concluída e não é possível fazer o exame.

Para emitir o boleto, o estudante deve acessar a Página do Participante (https://enem.inep.gov.br/participante), entrar em sua conta com o número do CPF, baixar o boleto e realizar o pagamento até o fim do dia.

Neste ano, diferentemente da edição anterior do Enem, as versões impressa e digital serão aplicadas nas mesmas datas (21 e 28 de novembro) e terão perguntas iguais. O Enem digital será exclusivo para quem já concluiu o ensino médio ou está concluindo essa etapa em 2021.

O uso de máscaras e de álcool em gel será obrigatório. De acordo com o edital do Exame, não seguir os protocolos de prevenção à Covid-19 é considerado critério de eliminação.

Metro1


Itanagra João Leão participa de ato de filiação ao PP no município


 

Fotos: Robério Almeida

Ocorreu, neste domingo (11), ato de filiação ao Partido Progressista (PP), na Câmara Municipal de Itanagra, cidade que fica a 133 Km de Salvador. O evento contou com a presença do vice-governador João Leão. Anfitrião do evento, o prefeito Marcus Sarmento (PP) recepcionou João Leão como “o futuro governador da Bahia”.

O evento contou com a presença do deputado federal Mário Negromonte Júnior, deputado estadual Niltinho, presidente da Câmara local, Luciano dos Santos (MDB), e vereadores da cidade.

Na ocasião, foram filiados ao partido o ex-vereador Jailton, Raimundo do Arizona (suplente), Veron (liderança local) e Batata (ex-candidato a vereador).

O prefeito de Itanagra Marcus Sarmento (PP), também ressaltou o compromisso dos deputados Mário Negromonte Júnior e Niltinho com o município.

“Eles estão trazendo benefícios para a população da cidade. Temos uma parceria e com a ajuda dos dois parlamentares estamos cumprindo nosso compromisso de trazer desenvolvimento para o município”, ressaltou o gestor.

Durante sua fala, João Leão afirmou que Marcus Sarmento será o melhor prefeito da história de Itanagra. “Ele só tem seis meses de trabalho e já foram realizados diversos benefícios para a cidade. Ainda virão muito mais”.

O deputado estadual Niltinho ressaltou o trabalho do prefeito Marcus Sarmento. “Antes a cidade clamava por mudança. Em seis meses da atual gestão, o deputado Mário Negromonte já direcionou RS 1 milhão em emendas. E eu destinei RS 600 mil em emendas”, disse Niltinho.

“Muito obrigado pelo carinho da população de Itanagra e das lideranças políticas. Chegamos aqui após uma viagem ao sertão da Bahia. Este grupo político está empenhado em promover melhorias no estado e esse é o nosso compromisso com a população”, frisou Mário Negromonte Júnior.

Estiveram presentes ao ato o prefeito de Rio Real, Carroça (PP); vice-prefeito de Entre Rios, Joaquim Mascarenhas (PP); prefeito de Conde, Dudu Vieira (MDB); vice-prefeito de Conde, Ademir Lima (PP), e o ex-prefeito de Itanagra, Luciano Rangel, dentre outras autoridades.

Obras

O Governo da Bahia está realizando obras em Itanagra, como a rodovia de ligação do município à Linha Verde. São 22 km de estrada. A previsão de entrega era junho, mas as chuvas atrasaram a conclusão da obra e uma nova data será divulgada.

Além disso, no dia 30 de julho, aniversário da cidade, a Prefeitura vai entregar a nova Praça Eurico de Freitas revitalizada, com nova iluminação e paisagismo.


Para 70% dos brasileiros, há corrupção no governo de Jair Bolsonaro, aponta Datafolha


Para 23% não existe corrupção no governo e outros 7% não souberam responder

Para 70% dos brasileiros, há corrupção no governo de Jair Bolsonaro, aponta Datafolha

Foto: Carolina Antunes/PR

Por: Luciana Freire

Uma pesquisa Datafolha divulgada neste domingo (11) pelo jornal “Folha de S.Paulo” mostra que para 70% dos entrevistados pelo instituto há corrupção no governo federal. Para 63%, a corrupção está presente no Ministério da Saúde e 64% acreditam que Bolsonaro sabia dela.

Para 23% não existe corrupção no governo e outros 7% não souberam responder.

Os dados foram colhidos pelo instituto ao entrevistar 2.074 pessoas com mais de 16 anos, nos dias 7 e 8 de julho. A margem de erro é de dois pontos para mais ou menos.

Segundo o Datafolha, os grupos que mais veem corrupção na gestão são mulheres (74%), jovens (78%), moradores do Nordeste (78%) e, claro, aqueles que reprovam o governo (92%).

Metro1